quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Desagravo a ANTÔNIO MARCOS DE PAULA (Observatório de Araguari)

Em desagravo ao amigo ANTÔNIO MARCOS DE PAULA e ao seu blog OBSERVATÓRIO DE ARAGUARI http://observatoriodearaguari.blogspot.com arrisquei os versos abaixo. Pobres na forma, mas ricos na essência em defesa da liberdade de expressão e da decência na administração pública.

CANÇÃO DE TODOS NÓS
(Uma elegia a Araguari)

Eis o tempo anunciado
pois que vem sem protocolo
ante o incrédulo cajado
do tirano, ora no solo

Se a verdade, límpida e clara
espalhada pela urbe
não desperta a massa ignara
a percebe quem se insurge

Sob o sol de árido inverno
lente clara busca o foco
na imagem, olho terno
proteção a Deus invoco

Padecendo em agonia
cada canto roga ajuda
no cantar da cotovia
vai que um dia a coisa muda

Meu suor caindo em bica
testemunha a verdade
a mensagem que hoje fica
é o amor pela cidade.

Edilvo Mota
02 de setembro de 2011
Membro do grupo "A culpa é do fotógrafo"

3 comentários:

Marcos disse...

Agradeço demais o seu apoio, mestre Edilvo. Quero que saiba que o senhor foi uma das pessoas que mais me incentivaram desde o início. Lembro-se de uma postagem sobre o Hospital Municipal, que, como sempre, recebeu um excelente e técnico comentário seu.
Hoje, passados dois anos da primeira postagem no blog, tenho a certeza de que, se Araguari tivesse mais Edilvos, seria uma cidade muito melhor. Ao contrário da postura que vc sempre adotou, os agentes públicos de agora, em sua grande maioria, se esquivam do dever de prestar contas. É por isso que, vez ou outra, surgem essas ameaças a quem ousa exercitar a liberdade de expressão.
Saiba que manifestações como esta sua e a do grupo "Repúdio à mordaça" só me dão forças para continuar. Obrigado!

EFGoyaz disse...

Cada vez tenho mais certeza de que estamos no caminho certo. Principalmente porque um governo apático, acéfalo e...azedo, imóvel, imundo e impune resolveu esbocar alguma reação. Vamos nos manter unidos.

Aristeu disse...

Quando não houver nenhum justo sobre a terra, ainda assim, haverá, no etéreo, essa legião nascitura do "Repúdio à Mordaça"

"Não temas, segue adiante e não olhe para trás, segura na mão de Deus e vai".